O meu primeiro queijo e uma compota





Era uma vez um gato. Um gato muito especial e tão doce como o mel. Este gato e a Mané, do Bolo da Tia Rosa enviaram-me um presente. Um livro! Eles sabem que eu adoro livros de culinária. Mas este livro trazia consigo um desafio. Era um livro sobre a arte de fazer queijos em casa. Sim, em casa! E eu que nunca me lembraria de tal coisa, fazer um queijo em casa. A princípio achei que não seria capaz. Mas depois achei que o desafio teria de ser cumprido. Adoro aprender coisas novas na cozinha e cá dentro cresceu a vontade de o fazer.
Comecei por uma ricota caseira. Adoro a sua cremosidade e usá-lo em massas e bolos. E achei que seria dos mais básicos para me lançar nesta aventura. E foi mesmo uma aventura. Alterei ligeiramente a receita, usando menos quantidade de leite e substituindo o ácido cítrico por sumo de limão. Pensei que não estava a conseguir obter queijo, ao fim de 45 minutos a mexer o leite, sem ver grandes alterações. Apaguei o lume, e tapei o tacho, pensando não ter conseguido. Depois achei que o melhor era colocar o líquido na peneira sobre um pano para drenar e ver no que dava. E passado uma hora tinha a minha ricota caseira drenada e super cremosa a olhar para mim! Afinal tinha conseguido.




E assim conto-vos como foi a história de preparar o meu primeiro queijo. Que servi fresquinho e acabado de fazer com uma compota. Uma compota de abóbora e laranja, com um toque de canela. Tão boa.
Mas podem usar a ricota em molhos para pastas, servir misturado com ervas aromáticas, preparar gnocchi, usar em panquecas e até em bolos! Adoro este queijo.
E com esta aventura, um queijo para o gato que me desafiou e a compota com fruta dentro, vou à festa de aniversário do blog da Mané, que celebra dois anos. Uma festa em que nos juntamos pelo prazer de estar juntos e celebrar. E como a Mané é uma pessoa tão especial, por quem tenho um carinho enorme, por nunca me faltar com palavras de incentivo e apoio, não podia faltar e levar comigo estas receitas.





Ricota Caseira
(adaptada do livro Artisan Cheese Making at Home, de Mary Karlin)

1 lt de leite meio-gordo
1/2 chávena de natas
1/2 colher (chá) de sal
3 colheres (sopa) de sumo de limão


Compota de Abóbora, Laranja e Canela

1 kg de abóbora (polpa)
2 laranjas (raspa e sumo)
650 gr de açúcar
3 paus de canela


Preparação

Para a compota, colocar a abóbora em pedaços num tacho grande. Juntar a raspa de laranja, o sumo, o açúcar e os paus de canela. Levar ao lume até ferver, mantendo depois a fervura baixa e mexendo até criar ponto. Retirar os paus de canela e se necessário ou preferir passar com a varinha mágica para ficar com consistência homogénea. Levar ao lume mais uns minutos a apurar e depois deixar arrefecer e guardar em frascos esterelizados. Conservar no frio.

Para a ricota, juntar num tacho todos os ingredientes e levar ao lume, sem deixar ferver, até atingir mais ou menos os 90ºC. Demorará uns 20 minutos. (eu não usei termómetro e mantive o lume baixo, sem ferver e sempre mexendo durante uns 40-45 minutos). Supostamente ao chegar à temperatura desejada formam-se os coalhos (no meu caso não notei, só uma ligeira consistência mais grossa do leite). Retirei do lume e adicionei mais 2 colheres de sopa de sumo de limão, tapei o tacho e deixei a repousar por 10 minutos.
Forrar uma peneira com um pano de algodão fino e colocar o conteúdo do tacho. Deixar a drenar por 30 a 60 minutos conforme preferir a sua ricota mais cremosa ou mais seca. Guardar num recipiente de vidro, no frio, até uma semana.
Nota: nas receitas que li na internet o sumo de limão só é adicionado no final, já fora do lume, aguardando no tacho tapado por 10 minutos antes de drenar, daí o ter feito (como não vi formação de coalhos). Esta foi a minha primeira experiência e sem termómetro.

Bom Apetite!







62 comentários:

  1. Bom dia Ginja,
    Preparo a ricota caseira de uma forma semelhante, utilizo o leite desnatado e o creme de leite light, a sua ricota ficou ótima, no pão com a compota é certamente deliciosa.
    Beijo, boa semana,
    Vânia

    ResponderEliminar
  2. Olá Ginga :)
    Parece-me que vai ser uma festa bem alegre e diversificada. Gostei muito da história do teu primeiro queijo até fiquei entusiasmada, porque adoro ricota. Na bimby deve resultar ;) ainda experimento!
    O teu pão é idêntico ao que cozi no forno a lenha, lindo :P

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. nunca experimentei fazer queijo em casa, imagino que deva ficar muito bom!

    ResponderEliminar
  4. Quando era mais nova a minha mãe fazia queijos frescos para vender em restaurantes e eu ajudava.
    Eram tão bons ,os que não se vendiam ,passavamos por colorau e piripiri e eram secos ao sol .
    O teu ficou com muito bom aspecto e combinado com o doce deve ser uma maravilha.
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Uma das melhores combinações possíveis! Ficaram ambos com excelente aspecto :)

    ResponderEliminar
  6. Ando há que tempos para experimentar e desta não passa - até porque o preço do ricotta é demasiado elevado.
    Uma pergunta apenas, onde compras os paninhos para coar?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Que par maravilhoso! Não sei qual tem melhor aspecto, se o queijo se a compota... Hum.. Definitivamente, escolho o trio - pão, queijo e compota!
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Olá Ginja, investir na confeção de queijo, que maravilha e que quadro :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Fazer queijo em casa parece me daquelas proezas que ainda não me imagino a concretizar!!!
    Contudo adoro ver os teus sucessos..Que bom que deve ser pão caseiro, queijo caseiro e compota caseira.Há lá melhor que isso???
    Bjoka
    RIta

    ResponderEliminar
  10. Fotos lindas e com um aspeto delicioso... como sempre :)

    ResponderEliminar
  11. Minha querida, como sempre uma receita de nos fazer crescer água na boca, adoro este queijo, estou sempre a arranjar forma de o misturar na comida e com compota, ai que maravilha :) Nunca fiz queijo em casa, e para mim continua a ser uma tarefa complexa e ainda não estou 100% convencida se algum dia irei fazer, mas adorei a tua coragem :P porque no final saiu um belo queijinho :)

    Beijoca grande querida,
    Joana

    ResponderEliminar
  12. também quero ir à festa! (ai são tantos os desafios até dia 17, vou tentar)
    confesso que já pensei muitas vezes em tentar fazer queijo. a minha avó paterna fazia queijo de cabra fresco e eram tão bons. tenho sempre essa recordação boa na memória :)
    adorei as fotos e tudo! vou experimentar logo que possa e dps conto.-te o resultado :) beijinhos***

    ResponderEliminar
  13. WOW!! Queijo em casa! também queroooooo!!!! Tenho que ir à procura do livro!
    Amei as fotografias e daqui a uns dias tento fazer cá em casa!! :D Parabens!

    ResponderEliminar
  14. Que alegria Ginjinha, quando me saiem as coisas das mãos pela primeira vez não caibo em mim de contente ;) Que grande festa!
    Lindas fotos minha querida, cada vez melhores.
    Um grande beijinho.

    ResponderEliminar
  15. Gosto muito de ricotta, mas caseiro nunca fiz! Tenho de experimentar, esse ficou com um aspecto fantástico :)

    Beijinhos e tem um bom resto de dia! :D

    ResponderEliminar
  16. Ai, ricota com compota de abobora, é tudo o que eu gosto, ficou mesmo com aspecto suculento. Vou experimentar fazer, também nunca fiz queijo, mas há sempre uma primeira vez.
    Adorei as fotos :)

    ResponderEliminar
  17. 45min a mexer? O resultado é deveras compensador :-)

    ResponderEliminar
  18. Amiga, que combinação perfeita!!
    Queijo, compota e pãozinho caseiro, é tudo o que eu mais gosto!! nham, nham
    Excelente sugestão!
    Bjs

    ResponderEliminar
  19. Adorei esta combinação deliciosa! Para mim até é uma sobremsa deliciosa - queijo e doce de abóbora!

    ResponderEliminar
  20. Ai que maravilha de queijo caseiro!! Adorei o aspecto :) gosto tanto de ricotta, ainda ontem publiquei uns folhadinhos com ricotta, é um queijo muito versátil!
    E o doce ficou também com um aspecto delicioso!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Queijo caseiro, só fiz mesmo queijo fresco, que é só acrescentar coalho e pouco mais :) No entanto, este também não parece difícil. Vou experimentar, para acompanhar a compota de três citrinos que fiz este fim de semana. A Mané deve ter adorado. Ela merece :)
    Um beijo,
    Ilídia

    PS: Lindas fotos. Dignas de livro ;)

    ResponderEliminar
  22. Que maravilha, Ginja!
    Adoraria conseguir fazer queijo em casa! Já experimentei fazer e não consegui, mas esta receita vai comigo e logo digo como correu!! :)
    Beijinhos
    Paula

    ResponderEliminar
  23. Uiiiiii Ginja... esse pãozinho com a ricota e o doce deve ser uma verdadeira maravilha.. :)
    beijinhos e qualquer dia aventuro-me.. :)

    ResponderEliminar
  24. Minha querida e doce Ginjinha,
    Que rica vai ficar a mesa da festa da Mané com estes teus petiscos caseiros!!
    Também adoro ricota amiga e essa compota, ai que a receita vai já comigo, pois não resisto a doces de abóbora.
    Sabes que lá na Lakeland estão todos os apetrechos para começar a arte dos queijos em casa e o livro, mas ainda não fui seduzida...
    Beijinhos grandes amiga,
    Lia.

    ResponderEliminar
  25. Mmmmm Ginja,eu fico cheia de fome sempre que passo aqui,já te disse várias vezes.As tuas fotos deixam-me com vontade de comer.bjs,violeta

    ResponderEliminar
  26. Querida Ginja,
    belo desafio, tudo perfeito!
    Receitas caseira feitas com carinho só podem ficar assim uma
    verdadeira delícia!
    As fotos estão perfeitas, tudo maravilhoso!

    Tenha uma semana super abençoada!
    bjs ♥

    ResponderEliminar
  27. Querida Ginja
    Uau, duas receitas maravilhosas!
    Como queria dar uma bela mordida nessa fatia de pão, com teu queijo caseiro e compota - nham, nham...
    Um abraço
    Léia

    ResponderEliminar
  28. Querida Amiga.
    Nunca me aventurei em queijos,embora sinta muita vontade de o fazer, ainda mais com esta sua experiência ficou uma tentação em experimentar.Adoro o novo, o desafio.
    Esta receita de compota ficou perfeita com a ricota, adoraria comer um pãozinho agora com essas duas tentações.
    A apresentação está soberba.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  29. Que desafio este é de fazer queijo em casa, imagino que não seja fácil. Mas tu conseguiste e está com um aspecto maravilhoso. Adoro este queijinho;) beijinhos

    ResponderEliminar
  30. Duas receitas que são um casamento perfeito ;)
    Babette

    ResponderEliminar
  31. Uma mesa perfeita com ingredientes deliciosos. Adorava provar este pãozinho com o requeijão e o doce. Hummmm!!!
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  32. Para a primeira vez estão com um aspecto.

    Beijinhos,

    As Papinhas dos Babinhos

    ResponderEliminar
  33. Para já o único queijo que fiz foi o de kefir. Mas ando para experimentar uma receita de ricotta caseira faz imenso tempo. Já tirei algumas da net e só estou à espera de uma pontinha de coragem :)

    ResponderEliminar
  34. E o que essa minha doce filhota talentosa não consegue fazer???
    Oi minha querida Ginjinha, depois de 4 dias de cama, graças a Deus estou melhor, voltando cheia de saudades. Ficou linda sua ricota, cremosa do jeito que gosto. Também nunca me aventurei em fazer queijos em casa, mas uma ricota já fiz, esse é o inicio de muitos queijos que com certeza virão. Gostei muito da receita. E a apresentação, sei que já estás cansada de saber mas não consigo sair daqui sem falar nas suas apresentações que sempre são detalhadamente caprichadas, adoro suas louças, seu panos de copa, seus mimos. Hoje por exemplo está um estilo rústico e delicado ao mesmo tempo, a compota,o paninho azul e branco, a faca (tenho uma igual do tempo de mamãe),o paninho de juta, tudo combinando. Parabéns linda Ginjinha. Adorei. Beijinhos da mamá

    ResponderEliminar
  35. Rico, rico rico. Me gusta muchísimo este queso, yo lo hago desde hace más de un año y en casa no puede faltar. Además si le pones por arriba esta rica compota y acompañas con un pan de pueblo, tan estupendo, se hace irresistible amiga. Un buen regalo ese libro de quesos, disfrútalo mucho amiga. Besinos.

    ResponderEliminar
  36. Também tenho feito queijos frescos caseiros, mas ainda não publiquei.
    Este ficou com um aspeto incrível. As fotos estão lindas e a compota deve ser uma tentação.
    Agrada-me esse livro, uma vez que adoro queijos e gosto de os fazer em casa.
    Bjs

    ResponderEliminar
  37. Que bom q arriscaste fazer este queijinho, está lindo, super apetitoso!
    Um Parabéns enorme :D

    BjinhoS

    Sara

    ResponderEliminar
  38. Ginja o Mel esta aqui ao meu lado todo contente por ver o resultado do desfio. Toca-me vezes sem conta para me segredar todo entusiasmado: eu bem dizi que a minha madrinha ia conseguir!!!
    As fotos estão lindas e eu estou totalmente rendida. Acho que este queijinho veio mesmo a tempo para a festa.

    ResponderEliminar
  39. Que lindo episódio esse do teu primeiro queijo.
    O post está tão bonito. Repleto de carinho.
    Eu ainda só me aventurei no queijo fresco.
    Um beijinho.
    Patrícia

    ResponderEliminar
  40. Que belo post!
    beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  41. Dá uma vontade enorme de tentar. Acho que encontrei mesmo a motivação ao ler este post. Ficou tudo com aquele tão maravilhoso aspecto caseirinho.
    beijinhos.

    ResponderEliminar
  42. Parabéns Ginja pela ricota.. eu já experimentei na bimby e saiu bem.. a sua tem um aspecto delicioso... e acompota yummy!!!
    Beijo,alecrim

    ResponderEliminar
  43. Ginja minha querida, mas que maravilha!!!
    Muitos parabéns pela aventura que correu lindamente!
    Eu lá na Farmácia tenho muitas pessoas que fazem em casa, que vão comprar coalho! O meu colega faz na bimby mas como eu não tenho nem sequer pensei no assunto!
    E a compota de abóbora é sempre óptima :)
    Um grande beijinho!

    ResponderEliminar
  44. Olá Ginja, eu a pensar que já me tinhas surpreendido de todas as maneiras com as tuas maravilhosas receitas eis que fico de boca aberta com este teu queijo... Aplaudo-te de pé por partilhares estas pequenas maravilhas connosco.
    Eu sou honesta, nunca na vida me atreveria a fazer queijo em casa principalmente de forma tradicional como tu fizeste. Os meus parabéns!!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  45. Ginjinha, está maravilhoso!!! Também acho espectacular a ideia de poder fazer queijo fresco em casa! Esse pão também está de apetite ;)
    Beijinhos e bom serão!
    Madalena

    ResponderEliminar
  46. Inês querida,

    Que bela aventura a tua ! :)
    Eu em casa faço sim mas queijo fresco e é com a Bimby, confesso que ainda nãoo me aventurei sem ela, mas vai calhar e ao ver esta tua linda história ainda fiquei com mais vontade de tentar !
    Porque essa combinação que nos mostras do belo pãozinho, a compota e a ricotta é simplesmente magnifica ! E a Mané só pode obviamente adorar esta tua presença ! :)

    Como sempre as tuas fotos estão um primor, LINDAS, sempre lindas ! :)
    Quanto ao mail, não te preocupes... como costumo dizer e penso que assim é que vale a pena "vamos falando"... sem stress, minha linda !

    Beijinhos grandes

    Isabel

    ResponderEliminar
  47. Uau, que aventura espetacular! Adorei o magnífico resultado... Tem um aspeto soberbo a tua ricota! Parabéns minha querida! Ficou mesmo magnífica!

    E como gosto de a comer assim... sobre uma fatia de um pão bem rústico com compota de abóbora e canela (gostei do teu toque de laranja!). Ai se a gula matasse! ;)

    Beijocas*

    ResponderEliminar
  48. Olá Ginja
    Isto de fazer queijo já me parece um patamar acima das minhas capacidades. Muito lindo o teu. E devo dizer-te que a tua primeira fotografia está absolutamente sensacional. Das minhas preferidas de sempre.
    Parabéns.
    1 bj
    Guida
    p.s mandei email ;)

    ResponderEliminar
  49. Olá Ginja!

    Parabéns pelo feito caseiro!
    Está com um aspecto divinal a tua ricotta! Um dos dos queijos favoritos:)
    E com o docinho perfeito a acompanhar, quem resiste?!
    Eu não!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  50. Ficou com um ar fantástico esta ricotta. Adorei!!
    Bjos

    ResponderEliminar
  51. Ai que gato mais gostoso!!!! :)
    Que resultado maravilhoso hein?
    Estava com saudade daqui já!
    Beijãoooo

    ResponderEliminar
  52. Que historia tao gira por detras desta ricotta. E tao bom quando algo que nos parece sair mal na cozinha, acaba por dar certo e o resultado e excelente. Adorei a historia e as receitas.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  53. Olá Ginja,
    Há uma primeira vez para tudo e este foi o teu 1.º queijinho e que bem te saiu!
    Eu fiz uma ricotta de kefir, que é mais simples pois não precisa de ir ao lume, assim desta forma também nunca tentei.
    A festa da Mané vai ser um espetáculo recheada de coisas boas e de boas pessoas.
    Bjs

    ResponderEliminar
  54. Já experimentei uma vez fazer queijo fresco e gostei imenso, por outro lado, sempre que observo a minha mãe a fazer requeijão, parece-me a coisa mais simples do mundo... mas aposto que não é. Já namorei várias vezes a receita do ricotta que é semelhante à do requeijão ou queijo fresco... um dia destes tenho mesmo que fazer.
    Beijinho!

    ResponderEliminar
  55. humm, que aspecto maravilhoso! fiquei com vontade de experimentar ;)

    ResponderEliminar
  56. Olha que lindo ficou o teu queijo e se há coisa que eu gosto é de queijos! :) Parabéns pelo resultado e pela festinha da MAné vamos lá ver se tenho tempo para ir também! beijos

    ResponderEliminar
  57. Lá vou eu ter de experimentar, claro esta!

    ResponderEliminar
  58. Um queijo feito em casa deve ter outro sabor, deve ser muito melhor!
    Parabéns, prova superada. :)

    Jota
    http://searchncook.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  59. A primeira vez que fiz ricota foi semelhante, pensei que tinha falhado, mas após alguma insistência finalmente resultou! E não há nada como ricota caseira!

    ResponderEliminar
  60. I love your pictures and recipes, they are mouth watering. Would love for you to share them with us at foodieportal.com. Over at foodieportal.com we are not photography expert snobs, we are just foodies.

    ResponderEliminar